Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

DIÁRIO 89

Criando memórias desde 1989

03
Mai12

As minhas fitas

Lembrei-me de procurar a pasta do meu traje académico para reler as fitas que me foram escritas há um ano. Deparei-me com fitas com tinta borratada e algumas com pedaços de texto apagadas. Fiquei triste ao ver que o tempo apagou palavras que me fizeram sorrir, mas ao olhar para as fitas naquele estado pensei que dessa forma nunca mais se esquecerá o dia em que as queimei. Choveu torrencialmente sobre os finalistas que estavam protegidos pelas suas capas negras, enquanto ouviam a missa que lhes era dirigida. Choveu tanto que pensamos para nós que só podíamos estar mais que abençoados. Abençoada ou não, um ano depois estou prestes a lançar-me para o maior desafio da minha vida.

Sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.